Novidades

Rede D’Or inaugura hospital de luxo no DF

A Rede D’Or São Luiz de hospitais – uma das maiores do país em medicina privada – inaugura no próximo dia 17 de junho o DF Star, unidade de alto padrão construída na 915 Sul. O novo centro clínico tem área de 30 mil metros quadrados, 112 leitos para internação e sete salas cirúrgicas equipadas com tecnologia de ponta.

O hospital atenderá todas as especialidades, exceto obstetrícia e pediatria. As salas do centro cirúrgico estarão disponíveis para a realização de procedimentos complexos e atuarão conjugadas com um laboratório de análises clínicas e imagens que permitirão maior rapidez para a tomada de decisão dos cirurgiões.

“As três principais características do DF Star serão o conforto proporcionado aos pacientes, os recursos de ponta para o tratamento clínico e a qualidade do atendimento de nossos profissionais”, afirma o diretor-geral do hospital, Rodrigo Abreu e Lima. Médico hematologista, Abreu e Lima destaca que, entre os três pontos, o atendimento é o mais importante: “O paciente terá aqui a melhor experiência possível: tudo está voltado para o cuidado com a saúde e o bem-estar”.

O DF Star abre as portas com 1 mil colaboradores que foram escolhidos a partir de 5 mil currículos recebidos. A equipe passou por um treinamento de três meses para entender os protocolos específicos e as regras do hospital. A proporção médico-pacientes em internação e enfermeiros-pacientes em internação é maior que a tradicional para garantir que a atenção seja plena. “As regras preconizam um médico a cada 10 leitos, e nós teremos três médicos a cada 10 leitos. A proporção de enfermeiros recomendada também é de um para 10, aqui serão quatro para 10”, explica Abreu e Lima.

Ambientação
A bandeira Star, do grupo D’Or, é destinada a clientes de alto poder aquisitivo. O espaço onde foi erguido o centro de saúde brasiliense reflete isso em cada detalhe. Toda a ambientação do hospital – recepção, quartos, consultórios e salas cirúrgicas – foi feita em homenagem à Brasília e ao Cerrado.

Na recepção principal, destacam-se duas telas gigantes de Burle Marx. Em dois ambientes especiais, o jardim de inverno do hospital e o vestiário da ala cirúrgica, foram instalados painéis coloridos de Alexandre Mancini, discípulo de Athos Bulcão certificado pela fundação que cuida da memória do azulejista. As fotos que decoram o espaço são de Bento Viana.

O conceito Star inclui ainda hotelaria seis estrelas, com mimos para o paciente como lençóis de algodão egípcio, cama especial que realiza massagens, climatização do quarto controlada via tablet a partir do leito e menu assinado por chef de cozinha francês.

A Rede D’Or investiu R$ 450 milhões no DF Star e pretende que o hospital seja um ponto de referência no Brasil e na América Latina. “Consideramos o Distrito Federal um centro de atração de pacientes de todo o país, com médicos e demais profissionais de saúde muito qualificados. Decidimos apostar nesse potencial”, afirma Abreu e Lima. O mesmo mercado é disputado pela unidade Sírio Libanês Brasília, que abriu as portas em 12 de fevereiro. Recentemente, o grupo Santa também criou uma carteira de serviços especiais para o mesmo público.

Oncologia
Um dos pontos altos do DF Star será o atendimento oncológico que, em toda a Rede D’Or está a cargo de Paulo Hoff, um dos mais renomados oncologistas do país. Hoff virá ao Distrito Federal de 15 em 15 dias para acompanhar o tratamento dos pacientes.

Para a unidade oncológica, foi adquirido um equipamento único na América Latina: a última versão do Gamma Knife, uma máquina que permite cirurgias minimamente invasivas na região da cabeça e do pescoço. “É o que há de mais avançado na tecnologia médica desta área, o equipamento estará disponível para indicações cirúrgicas de toda a Rede D’Or”, explica Abreu e Lima.

Na fase inicial, o DF Star atenderá aos convênios Bradesco Saúde, Sulamerica, Omint e Allianz, além de atendimentos particulares.

Fonte: https://www.metropoles.com/saude/rede-dor-inaugura-hospital-de-luxo-no-df-veja-fotos-e-video